The Good & Old Rock'n'roll

The Good & Old Rock'n'roll
Traduções de músicas & textos sobre o rock'n'roll e sua história.

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

O ROCK'N'ROLL E O ROCK

 

Diz a lenda que o nome Rock'n'roll veio de uma frase usada pelos velhos bluesmen para se referir à boa e velha trepada. Algo como, em bom português, "deitar e rolar". Foi um disc jockey norte-americano que atribuiu tal nome a um novo som.

Como estilo musical, o Rock'n'roll tem fronteira espaço/temporal bem delimitada: é um tipo de música norte-americana surgido no início da década de 50 do século passado. Música feita por pioneiros como Elvis Presley, Chuck Berry, Little Richards, Jerry Lee Lewis, Bo Diddley e outros não menos importantes e que tinha, em sua estrutura, fortes elementos do Blues. Este tipo de música, no início da década seguinte, já era visto, nos meios de comunicação da época, como ultrapassado, porém, enquanto durou, foi incendiário.

No outro lado do Atlântico, toda uma geração se moldou ouvindo o Rock'n'roll norte-americano e, encabeçada pelos Beatles, daria continuidade e complementaridade ao estilo musical. Ao Rock'n'roll de raízes norte-americanas foram sendo agregados elementos culturais dos mais diversos e os limites artísticos do estilo foram expandidos. Concomitantemente, de mero entretenimento juvenil, o estilo musical foi promovido à condição de arte séria, passível de ser discutida intelectualmente. Para tanto, ao lado dos Beatles, foi essencial a participação de um jovem judeu de Minnesota, de nome Robert Allen Zimmerman, que, ao terminar o colegial, tinha como sonho se juntar à banda de apoio de Little Richard; fez muito mais: deu às letras de música a condição de poesia.

Enquanto o Rock'n'roll surgiu nos Estados Unidos e, via exportação do american way of life, esparramou influências através do mundo, o que é comumente chamado hoje de Rock, veio da geração de músicos ingleses que, importante reiterar, tendo os Beatles na linha de frente, assimilou e expandiu as características norte-americanas do estilo, esboçando fronteiras até hoje não ultrapassadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário